quinta-feira, 30 de junho de 2016

CONTROLANDO O VÍCIO DE ROER AS UNHAS - FASE II

Olá, pessoal !
Controlando o vício de roer unhas
Diário de Unhas Roídas - Foto II
 Então,  passaram-se dez dias desde a primeira vez que mostrei a vocês o estado das minhas unhas. Hoje, venho mostrar novamente.
Pouca coisa mudou desde então, o desenvolvimento segue , embora com dificuldade, segue de forma positiva.

O processo está  lento, por isso, ainda não da pra ver a diferença entre a  foto I e a foto II. É que como minhas unhas estavam muito curtinhas, lá  embaixo no sabugo, mesmo elas estando maiores agora , demora bem mais para alcançarem as pontas dos dedos . Pode não estar dando pra ver, mas com certeza, elas estão quase lá.

A parte negativa da semana é que andei roendo a unha do dedão esquerdo e ela retornou ao ponto de partida.

No mais, tudo sob controle. Continuo usando apenas base fortalecedora e lixando a qualquer sinal de lasquinha que surge .

Sigo firme, forte e ansiosa para mostrar resultados mais expressivos para vocês.





Até o próximo  encontro,
Beijão a todos !

http://diariodeunhasroidas.blogspot.com.br/2016/06/controlando-o-vicio-de-roer-as-unhas.html
                                        






Incidentes com unhas postiças

Minhas desastradas experiências com unhas postiças

Como eu dizia em outra postagem, se não souber aplicar as unhas postiças, não faça! Busque ajuda profissional ou de alguém experiente na aplicação.
Essa foi uma das lições que aprendi na marra.
Mas antes,tive algumas desventuras com unhas postiças que me foram decisivas nos cuidados com as unhas !
Unhas em gel tamanho curto e médio
Unhas gel - tamanhos médio e curto

Tudo começou quando tive a ideia de usar unhas postiças para esconder minhas unhas roídas.
Bom , minhas unhas estavam acabadas naquela época e eu, evidentemente, muito insatisfeita com elas, foi então que comecei a investir em unhas postiças. Experimentei aquelas unhas transparentes, baratinhas e facilmente encontradas em farmácias e outras lojinhas de bairro. Detestei aquelas unhas ! Desde a aparência até a cola utilizada para fixá-las , achei tudo muito falso, desconfortável, chato de aplicar...não deu certo comigo.

Ainda assim, me arrisquei a sair com elas...foi um fiasco total !
Eu tinha um encontro e, antes mesmo de chegar lá, elas já estavam soltando...aff !
Bom , passei numa farmácia, comprei acetona e algodão , arranquei todas elas e segui com as unhas que Deus me deu .

Não sei se o problema se deu por incompetência minha ou por má qualidade do produto, mas o fato é que foi um horror ! Nunca mais eu quis saber daquele tipo de unhas.
Mas não as culpo, meu erro foi ter me aventurado em algo novo, sem experimentar com a devida antecedência e cuidados .

Unhas postiças em gel
Unhas postiças em gel - tamanho curto
Tendo aprendido a lição, parti para experimentar unhas de gel . Essas são super práticas, pois, já vem com adesivo, decoradas, prontinhas para usar e bem semelhantes as naturais, gostei muito dessas . Encontrei um modelo curto, discreto, confortável e com ótima aderência, que durou bastante e sem quaisquer incidentes. 

Por ter funcionado muito bem, voltei a buscar por elas, mas encontrei apenas o tamanho médio daquela mesma marca. E novamente a experiência com unhas postiças deu em fiasco. E pior que foi exatamente em uma ocasião em que tudo precisa dar certo, foi que tudo deu errado !
Mas, dessa última vez ,  tenho certeza que  a pressa com que fiz a aplicação das unhas teve responsabilidade direta no resultado final das mesmas .





Concluindo, o produto é  bom.

Unhas postiças em gel - tamanho médio
Unhas postiças em gel - tamanho médio
Desde que estando dentro do prazo de validade, seguindo direitinho as instruções de uso e tomando os cuidados, dá tudo certo e elas ficam muito boas . 

Mesmo tendo gostado muito e ainda que valendo a pena continuar investindo nelas, o melhor mesmo é investir pesado no desenvolvimentos das minhas próprias unhas .













 http://diariodeunhasroidas.blogspot.com.br/2016/06/unhas-posticas-solucao-para-as-unhas.html











quarta-feira, 29 de junho de 2016

Onicofagia ou roeção de unha - Saiba tudo sobre esse problema


Onicofagia - Termo clínico para o problema de roer as unhas

. Efeitos negativos

. Tratamento

. Medicação

. Terapia comportamental

. Outros tratamentos

. Fatos

hábito de roer unhas
Onicofagia - hábito de roer unhas

 Roer unhas (também conhecido pelo seu termo técnico onicofagia ou roeção de unha) é o hábito de morder as unhas dos dedos das mãos ou pés durante períodos de nervosismo, ansiedade, estresse, fome ou tédio. Também pode ser um sinal de desordens mentais ou emocionais. As crianças começam a roer as unhas por volta dos quatro ou cinco anos de idade. O termo onicofagia crônica é utilizado clinicamente.


Efeitos negativos de roer unhas

Roer unhas pode resultar num transporte de germes que vivem embaixo da superfície da unha até a boca. De fato, as ferramentas usadas por manicures potencialmente afetam o humano de modo similar. Se essas ferramentas forem utilizadas em pessoas diferentes, elas podem espalhar fungos, bactérias ou vírus. Como muitos patógenos têm a habilidade de viver dentro da unha, o hábito de roer unhas pode potencializar as chances de danos à saúde.

Um roedor de unhas compulsivo pode roer não só a unha, mas também a pele ao seu redor e a cutícula, possivelmente rompendo a pele. Uma pele rompida é suscetível a infecções oportunistas de micróbios e vírus. Esses patógenos podem se espalhar entre os dedos pela boca.

Roer unhas também pode ser negativo por restringir o uso das mãos. Um roedor de unhas compulsivo pode ter sua habilidade para trabalhar restringida (por exemplo, escrever, digitar, desenhar, tocar instrumentos de corda, dirigir) por causa dos estragos feitos às unhas ou à pele em volta.

Um longo hábito de roer unhas pode ocasionar desgaste do esmalte dos dentes incisivos, podendo gerar cáries nessas áreas.

Tratamento medicamentoso contra a roeção de unhas

ferimentos por roeção da unha
Unhas roídas ao extremo
Algumas medicações têm se mostrado eficazes para a roeção de unhas. As medicações utilizadas para tratar o problema incluem potentes antidepressivos. Estas medicações são também utilizadas para tratar tricotilomania e includem: clomipramina, fluoxetina, sertralina, paroxetina, fluvoxamina, citalopram, escitalopram, nefazodona e venlafaxina. Pequenas doses de medicamentos antipsicóticos são utilizados no tratamento da esquizofrenia como: risperidona, olazapina, quetiapina, ziprasidona, e aripiprazola podem ser utilizada em conjunto com os antidepressívos. É importante salientar que o uso de antipsicóticos para tratar a onicofagia não quer dizer que o paciente sofra de psicose.

Uma outra opção é o uso da vitamina B (inositol) . Ela reduz a vontade de roer unha ao aumentar a atividade de serotonina no cérebro . A serotonina pode estar relacionada à desordens do sistema nervoso.

Terapia comportamental para deixar de roer as unhas

Onicofagia
Tratamento contra o hábito de roer unhas
Alguns pacientes acharam a terapia comportamental ser benéfica por si própria ou como um complemento à medicação. A primeira terapia consiste no Treinamento de Reversão de Hábito (TRH), um processo de quatro partes que busca "desacostumar" a pessoa do hábito e possivelmente substituí-lo por outro hábito mais construtivo. Além do TRH, a terapia de Controle de Estímulo é usada tanto para identificar quanto para eliminar os estímulos que freqüentemente geram a vontade de roer unhas.

Uma combinação de medicação e terapia tem obtido melhores respostas para os sintomas.

Outros tratamentos contra o hábito/vício de roer as unhas

Existem várias formas de terapia de aversão para ajudar as pessoas a parar de roer suas unhas. Estas incluem métodos como cobrir as unhas com substâncias de gosto ruim (às vezes na forma de um esmalte especial) ou usar uma fita de borracha no pulso e pedir para que amigos e familiares (ou até mesmo a própria pessoa) a puxem quando verem a pessoa roendo as unhas. Para alguns é eficaz substituir o hábito de roer unhas pelo de mascar chicletes. Alguns métodos (incluindo os anteriormente citados) podem funcionar pois fazem com que a pessoa tome consciência de suas ações e procure outras coisas para fazer. Fazer uma anotação dos horários de quando a pessoa for roer as unhas e também é uma maneira de encontrar a origem do problema.

Parte das pessoas que roem as unhas fazem tratamento ortodôntico para bruxismo, por exemplo e usam uma placa de acrílico que as impossibilitam de roer suas unhas com os dentes. Isso pode ter um efeito colateral de ajudar o indivíduo a superar seu hábito de roer unhas.

Alguns roedores de unha, entretanto, acham a efetividade de todos esses métodos e medicamentos ser fraca. Para eles, é necessária uma grande determinação para acabar com o hábito. Algumas das táticas que eles acham úteis é imaginar uma nota mental para parar, e prometer que não vai mais roer, além de fazer o fim do hábito ser uma das promessas de ano novo.
Fatos sobre a roeção de unhas
Fatos sobre a roeção de unhas

Assim como outros hábitos nervosos, o de roer unhas pode ser às vezes um sintoma de problemas emocionais. Nesses casos, resolver o problema emocional pode ajudar a diminuir ou até mesmo eliminar o hábito.
Algumas pessoas acham a terapia de hipnose um tratamento benéfico.

 

Fatos sobre a roeção de unhas

É uma ação considerada um tanto embaraçante em algumas culturas.
É às vezes relacionado à raiva reprimida.
É uma parafunção, um ato não fisiológico.
Pode estar relacionado a distúrbios e desordens temporomandibulares.

(Fonte: Wikipédia)

    sexta-feira, 24 de junho de 2016

    UNHAS POSTIÇAS - A SOLUÇÃO PARA AS UNHAS ROÍDAS ?

    Seriam as unhas postiças a solução para as unhas roídas ou mero paliativo para o problema ? Vejamos:

    Surgiu aquele evento, aquela festa, aquela entrevista de trabalho ou aquele encontro de última hora, mas você está com as unhas acabadas , roídas de um modo que não tem alicate, esmalte ou decoração que consigam dar jeito nelas, e você está sem tempo ou sem grana para correr na manicure ! O que fazer nessa hora ? Ir assim mesmo ? Não ir ?
    Nada disso, o jeito é improvisar. Nesses casos, vale apelar para as unhas postiças.
    Unhas postiças
    Unhas postiças - beleza instantânea
    Eu mesma já apelei para elas algumas vezes. Tive sucesso e desventuras também.
    Por isso, cuidado: se você não tem prática em aplicá-las, nem tempo para fazer com bastante calma e para testar o resultado por ao menos um dia inteiro, é melhor não fazer a aplicação sozinha. Busque a ajuda de um profissional ou de alguém com uma boa experiência na aplicar as unhas postiças. Do contrário, o resultado pode ser mais desastroso que as unhas roídas. Já pensou se alguma unha se solta no momento mais inoportuno ?!

    Unhas postiças - Uma saída meramente emergencial para as unhas roídas


    Unhas artificiais
    Unha postiça - uma saída de emergência para as unhas roídas
    As unhas postiças podem ser uma saída prática e rápida .
    Sim, elas salvam a situação algumas vezes, portanto, podem e devem ser usadas como incentivo ou paliativos momentâneos, pois, além de embelezar, elas também funcionam como barreira entre as unhas e os dentes.
    No entanto , é bom ter em mente que elas sozinhas não conseguem resolver o problema de roer as unhas . 

    O mesmo ocorre com uso de produtos com gosto ruim, como o uso da babosa, que tem um gosto super amargo, como o uso de luvas e fitas adesivas e de outros artifícios que impedem o acesso às unhas ou desestimulam que elas sejam levadas à boca. Tudo isso é recomendados como formas eficazes contra o hábito/vício de roer unhas , mas que funcionam apenas até que sejam retirados, até que a boca se acostume ao gosto ruim ou até que se encontrem formas de burlá-las . 
    Ou seja, essas são mudanças que, embora sirvam de incentivo, elas mais encobrem e adiam o problema que resolvem. 

    É preciso bem mais que uma simples barreira ou truque para atingir a questão efetivamente. 
    Unhas postiças
    Unhas postiças - um toque de beleza provisório
    Ainda assim, toda ajuda é bem-vinda, todo incentivo é positivo, todo detalhe faz diferença e todas as tentativas são válidas. Tendo em mente que o produto é apenas uma parte do todo, então não devemos deixar passar nada que venha a motivar.

    No mais, eu diria que ninguém merece viver refém do uso de unhas postiças. Uma coisa é usá-las por opção, outra coisa bem diferente é não ter outra opção.
    Então, vamos cuidar de nossas unhas naturais para não dependermos das artificiais.


    Força, Fé e Foco a todos ! 

    quarta-feira, 22 de junho de 2016

    Minhas motivações especiais para controlar o problema de roer unhas

    Tudo na vida tem seus altos e baixos, as unhas também têm suas altas e baixas.
    E quando as motivações próprias não estão sendo suficientes para fazer o desejado acontecer, a gente precisa do empurrãozinho de um motivador especial.

    • Dica de como se motivar para seguir firme com as mudanças desejadas



    Esta motivação veio no ano passado.
    Altos e baixos
    Eu queria muito impressionar uma pessoa, exibindo unhas bem-cuidadas e grandes para ela.
    Minhas unhas estavam um bagaço, muito roídas e sem condições de serem recuperadas em pouco tempo. Sabe , ou já viu, quando as unhas estão em estado deplorável, de um modo que não tem alicate, esmalte, nem decoração que consigam dar jeito nelas em casa ? Pois é, assim mesmo que as minhas estavam ! E , como eu tinha pressa,apelei para as unhas postiças, assim , além de encontrar uma solução de momento, pensei em ganhar tempo, usando-as para proteger as minhas até que crescessem. Foi o que pensei, mas...
    Resumindo, muita coisa (que conto depois) deu errado nessa situação, mas ficou algo de bom, que foi a motivação pra fazer um controle mais rígido do meu problema de roer unhas.

    Fazendo o registro da transição das unhas

    Foi quando tudo deu errado, que encontrei uma motivação maior.
    Arquivo pessoal - ano 2015 
    Dali, passei a me esforçar mais, a me policiar mais e comecei a fazer o registro fotográfico do crescimento das minhas unhas. Isso foi bem interessante e motivador. Recomendo que quem esteja buscando passar por uma transição, faça o registro das mudanças. Desse modo é possível visualizar melhor a diferença de uma semana para a outra, de uma quinzena, de um mês para o outro e assim sucessivamente. Registre, assista e motive-se!

    Recentemente, reencontrei as fotos dessa época e bateu aquela saudade ! Tanta saudade que tive a ideia de criar um vídeo a partir delas e compartilhar na rede . E , como uma coisa puxa outra, a criação do vídeo me levou a criar este blog, para compartilhar as questões que envolvem o problema de roer as unhas, incluindo as dicas, truques, produtos, opções, incentivos, dificuldades e sucessos no desenvolvimento de unhas saudáveis e bonitas. 



    Este está sendo meu incentivo especial, toda vez que me pego ali, envolvida com alguma lasquinha de unha e quase caindo na tentação de dar aquela roída, lembro do compromisso que tenho comigo e com os leitores .
    Não está sendo fácil, nem tão rápido quanto eu gostaria que fosse. Ainda retiro alguma lasquinha aqui e ali com os dentes , assim , a lixa continua trabalhando bastante nas unhas, porque o velho desejo de roê-las não morre, quando muito , adormece. Mas sei que o resultado compensa o esforço.
    Daí a importância de estar fazendo os registros da transição que pretendo concretizar . 
    A experiência está sendo muito boa, desafiadora e prazerosa. E pretendo mostrar ainda muitas coisas boas, para quem tem e para quem não tem problemas com unhas roídas.

    Beijos e até a próxima.  

    segunda-feira, 20 de junho de 2016

    MOTIVAÇÕES ESPECIAIS PARA CUIDAR DA SAÚDE E BELEZA

    Encontrando um motivador maior para ter unhas saudáveis e bonitas  

    Motivação especial

    Na postagem anterior , comentei das razões para conter o hábito de roer as unhas e também sobre as formas com que esse hábito podem afetar a saúde, e a imagem da pessoa .
    Essas razões deveriam ser suficientes para mudar a situação, no entanto, nem sempre é assim que acontece . Afinal, não somos feitos apenas de razão, o emocional e o psicológico também nos governam.

    Assim , é comum que a pessoa necessite de um motivador a mais para realizar seus objetivos.
    Seja por uma situação específica, pela qual a pessoa passe e que lhe seja impactante , seja por uma necessidade ou desejo muito forte que a acometa, seja por uma mudança de estilo de vida, trabalho, evento ou seja por qualquer outro motivo, tudo pode se tornar um motivador a mais na busca e alcance do objetivo.

    Geralmente, não é a pessoa que encontra esse motivador maior , e sim ele que encontra a pessoa.
    As motivações mais contundentes, que realmente fazem a diferença, são aquelas que surgem de forma inesperada ou que se agigantaram dentro de nós. Ou seja, o desejo de mudança tem que partir de dentro para fora, tem que ser intenso e, preferencialmente, duradouro.
    O que parte de fora para dentro, ainda que sendo impactante, tende a ser passageiro.
    Portanto, ao sentir-se tocado por algo em especial, que possa lhe trazer efeitos positivos, apegue-se e faça disso um motivador maior para alcançar seus objetivos.
    Motive-se, deixe-se motivar positivamente e seja feliz!

    As próximas postagens tratarão da minha motivação especial.
    Beijos!

    UNHAS BONITAS - QUEM NÃO QUER ?

    Toda mulher, com um mínimo de vaidade, quer ter unhas bonitas , não é mesmo ?!  Afinal, as mãos são como cartões de visita, e o que mais chamam atenção nelas, são as unhas.

    Unhas bonitas

    Contudo, para quem tem o hábito de roê-las, manter as unhas apresentáveis se torna uma tarefa das mais difíceis , quase impossível de ser concluída .










    Além de antiestético e anti-higiênico, as unhas roídas causam um aspecto de desleixo, de falta de vaidade, de alto-estima em baixa. E ninguém quer transmitir essa impressão de si !

    Não há esmalte ou decoração que fique bem em unhas maltratadas. Por mais bem cuidadas, que sejam, os dentes causam verdadeiros estragos na aparência, textura, podendo afetar até a estrutura das  unhas .

    Unhas Roídas - Danos à Saúde

    Os danos não são apenas estéticos.Vale lembrar também que , se o simples ato de cutilar as unhas já abre portas para a entrada de fungos e bactérias, roendo as unhas , então, abrem-se portas ainda maiores para hóspedes indesejáveis acessarem nosso organismo, tanto através de pequenas fissuras causadas pelos dentes, quanto pela sujeira que levamos até à boca.
    Mas nem tudo está perdido, dá pra controlar o impulso de roer as unhas. Com muita força de vontade, é possível , sim !

    Unhas Lindas Em Uma Semana !

    Existem muitas dicas e truques que prometem fazer a transição de unhas roídas para grandes e lindas em curtíssimo prazo , mas isso não existe!
    Além de controlar a ansiedade como um todo, é bom controlar a ansiedade de ver um efeito imediato nas unhas.
    Não existe um produto ou método fácil, rápido, definitivo, nem um que seja infalível, não isoladamente. O que existe é a busca pela resolução do problema e todo um conjunto de cuidados, que devem ser tomados sempre, dia após dia . São as seguidas tentativas que levam cada pessoa a descobrir os métodos que funcionam melhor para si.
    Tudo baseado sempre na determinação de cada um e que deve continuar mesmo depois de ver os resultados. É isso que torna tudo possível.
    ...



      


    Lixa - uma forte aliada contra as unhas roídas

    A lixa é a melhor amiga das unhas. Como manteríamos nossas unhas em dia, sem elas ? Não manteríamos!

    Não importa o tamanho de unha que se use, a lixa é imprescindível na manutenção da mesma.  

    Lixas - aliadas na manutenção das unhas
     Mas quando o assunto é unha roída, a lixa se faz ainda mais necessária , tornando-se praticamente uma arma contra o inimigo que não dá trégua.











    Nas batalhas contra as unhas roídas , os dentes , o stress e a ansiedade são nossos maiores inimigos, a força de vontade é a maior aliada e a lixa é a melhor arma.

    Basicamente, sabemos que é preciso resistir ao máximo a todo impulso de retirar qualquer lasquinha de unha com os dentes. Não importa o quão inofensiva a lasquinha pareça ou quão desafiadora ela se mostre , ela sempre sai vencedora . Portanto , sabendo que , depois que depois de sentir o gostinho dela, fica quase impossível parar, evitemos a primeira dentada.

    É para acabar com as tentadoras pontinhas de unha que as lixas comuns existem.
    Recomendo que se tenha lixas espalhadas por todos os cômodas da casa, incluindo banheiros, áreas de serviço e varandas. Assim como também é essencial ter sempre uma lixa em cada bolsa ou até no bolso.

    Pode parecer exagero, mas isso facilita bastante a vida de quem não resiste ao impulso de dar aquela roidinha básica nas unhas.
    Vale tudo nessa guerra !

    USO DA LIXA DE SUPERFÍCIE OU POLIMENTO DAS UNHAS

    Lixa de superfície ou de polimento das unhas

    O uso da lixa de superfície também é importante, porem, deve ser feito com mais cuidado e atenção.
    Normalmente, nossas unhas são finas e frágeis, assim , um polimento desatento pode fragilizá-las ainda mais.
    Sugiro, para quem está ainda cultivando os desenvolvimento das unhas, que os polimentos sejam executados apenas em casos de unhas muito grossas, para nivelamentos de descamações e ondulações mais protuberantes, que deformam as unhas ou em outros casos graves.
    Como as minhas unhas não são grossas, uso a lixa de polimento apenas quando acabo puxando alguma lasca da película da unha ou quando o alicate de cutícula as arranham muito .



    CONTROLANDO O VÍCIO DE ROER AS UNHAS - FASE I

     Olá !!

    Como o combinado no post anterior , estou mostrando o estado atual das minhas unhas .
    Por eu ter demorado um pouco mais que o esperado , elas já não estão mais tão destruídas quanto estavam naquele dia, mais ainda estão bem curtinhas. 
    Mesmo eu não tendo roído as unhas nesta  última semana, elas ainda estão bem curtinhas , pois, a lixa trabalhou bastante para nivelar o muito que elas se encontravam tortas e para eliminar as lasquinhas tentadoras. 

    Diário de Unhas Roídas - foto 1

    Dica Básica Para o Bom Crescimento das Unhas

    Então, pessoal, todo mundo que quer cultivar unhas bonitas, sabe que um dos cuidados mais básicos é com as lasquinhas que fatalmente soltam delas. E , para isso, a lixa deve entrar logo em ação.
     No entanto, para quem tem dificuldade e deseja muito ver as unhas maiores, é grande o apego por qualquer sinal de desenvolvimento das mesmas . Sei, por experiência própria, que depois de resistir à tentação de dar aquela roidinha habitual e ver a unha surgindo, a última coisa que se quer é perdê-la. 
    Por isso, a minha primeira observação para o bom desenvolvimento das unhas é que não adianta ter pena de diminuir o pouco de unha que se desenvolveu. Havendo necessidade de lixar, faça ! Vale lembrar que é melhor perder parte das unhas para a lixa que para os dentes.  
    Essa "perda", na verdade, nem é uma perda, mas sim, um investimento, que gera ganhos maiores no futuro. Afinal , de nada vale preservar unhas com desenvolvimento irregulares, lascadas ou descamadas, que não sobreviverão por mais que alguns dias .
    Portanto, façamos da lixa, uma companheira para todas as horas de necessidade.    

    Resultado de imagem para lixando as unhas
    Lixando as unhas - foto da internet
    Força, fé, foco nos objetivos e uma boa semana a todos!

    sexta-feira, 10 de junho de 2016

    Meu Primeiro Vídeo - Minhas Apresentações


    Olá, meninas, meninos, senhores e senhoras...olá a todos os apreciadores de belas unhas !
    Então,  esse é o meu primeiro vídeo...nele, mostro os registros em fotos do desenvolvimento das minhas unhas, desde bem roídinhas até atingirem seu tamanho máximo.
    O vídeo nasceu meio que por acaso e não ficou bom, mas amei tê-lo criado. Amei tanto que continuo fazendo registro do crescimento das minhas unhas.

    Essas imagens são  do ano passado. Eu já vinha a um bom tempo com as unhas curtíssima, roídas e horrorosas ! Foi então que iniciei um esforço imenso para controlar o habito/vicio de roê-las . Comecei registrando o desenvolvimento delas de tempos em tempos , mais ou menos quinzenalmente. Ao fim de cerca de dois meses , minhas haviam alcançado  seu tamanho grande.

    Fiquei super orgulhosa de mim ! Mas o tempo passou , elas começaram a quebrar e, quando me deu conta, elas estavam roídas  novamente.
    Recentemente, vasculhando meus arquivos esquecidos, eis que reencontrei as fotos e com o objetivo de manter minhas unhas longe dos dentes.
    E assim, meu projeto unhas-grandes está de volta e será compartilhado aqui ,com todos que quiserem acompanhar. Este será  meu incentivo especial nessa jornada.

    Na próxima postagem, mostrarei o estado atual das minhas unhas. Na verdade, mostrarei o estado delas ao de todo o funcionamento do blog, estejam elas roídas, pequenas ou grandes.
    Mas já adiando que, no momento, elas estão péssimas, horrorosas! E adianto,também, que no dia de hoje não retirei sequer uma lasquinta de unha com os dentes.

    Bom, mas o blog não se resumirá às minhas unhas, não mesmo !
    Embora eu não seja uma profissional das unhas e, ainda que não possuindo grandes conhecimentos sobre o tema, sou adepta do faça você mesmo, assim, aprendo na prática do dia a dia . Sendo assim, da mesma que a experiência de outros somam-se a minha, espero estar somando também à outras pessoas como eu.
    Postarei tudo que se refere à unhas; cuidados, dicas, observações, truques e tudo mais!

    Beijos e até os nossos próximos encontros .
    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...